Eu náo queria mas obrigaram-me

Pedro Silva Pereira ensaia aqui mais uma tentativa de se desculpar pelo estado depauperado en que o seu governo deixou o país. Mas não se compreende bem o argumento. Parece que o euro ao mesmo tempo que é o responsável pela crise também é importantissimo para o projecto europeu. Diz muito sobre a exequebilidade de ambos e sobre as consequências de secundarizar os impactos económicos em nome de utopias políticas. Mas isto são as minhas conslusões. Para o braço direito de Sócrates a culpa é sempre e só da Alemanha. Terão sido eles a obrigar que gastasse o que tinha e (sobretudo) o que não tinha em “elefantes brancos” e a aumentar a dívida para níveis estratosféricos. É a única conclusão possível.

4 pensamentos sobre “Eu náo queria mas obrigaram-me

  1. joao

    Mas ainda ninguém explicou a esta alminha (Pedro Silva Pereira), e à restante “troupe” socialista, que a austeridade é uma consequência e não uma opção?

  2. JS

    Proclama AJ Seguro:…”No ano passado houve uma crise política que foi aberta, foi aberta pelos partidos à nossa esquerda, que se juntaram aos partidos à nossa direita para derrubar um Governo legítimo.”…. bla, bla, bla.
    Com o “nossa” assume a inspirada linha PS. Legítima!

    Algo vai mal, mesmo muito mal, neste desenho constitucional quando a análise da governação legítima, de um governo legítimo, todos os dias nos traz legítimas dúvidas quanto à … qualidade desse exercício.

    Nâo será tempo de rever o processo de “ligitimar” os governos?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.