Ao serviço do estado e da tradição

No dia do segundo referendo que teve lugar na Síria, o presidente Assad explica, de uma forma muito própria, os benefícios de existirem orgãos de comunicação social ao serviço do estado. Fiquei esclarecido sobre o assunto, os media locais ligados ao estado são considerados como os melhores do mundo.

Uma dúvida, no entanto, persiste no meu espírito: munido dos boletins de voto e canetas, o casal Assad entrou em simultâneo no local onde terá expressado o voto. O episódio fará parte de alguma tradição local?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.