Manuel Alegre sofrerá de amnésia?

Demasiado surreal: ouvi há pouco a reprodução de uma intervenção de Teresa Caeiro na SICN onde revelava que Manuel Alegre fez publicidade ao BPP enquanto era deputado à AR, aconselhando os leitores, salvo erro, da revista do Expresso a depositarem o seu dinheiro no BPP – sim, aquele também nacionalizado e o dos problemas dos depósitos de retorno garantido.

Há aqui duas questões. A primeira diz respeito a um detentor de um cargo político que se presta a serviços publicitários, o que mesmo sendo a instituição digna de confiança seria sempre questionável. A isto Alegre teria de responder em qualquer circunstância.

A segunda diz respeito à instituição que Alegre publicitou. Em circunstâncias normais eu diria que Alegre não sabia e não podia saber o que se passava no BPP, que não enganou deliberadamente os destinatários da publicidade e que Alegre não deve ser associado ao que se passou posteriormente no BPP. Sucede que Alegre tem vindo a acusar e a pedir explicações – é certo, sem a coragem de o fazer cara-a-cara – sobre a compra e venda absolutamente legal de acções da SLN por Cavaco Silva e tem vindo a associar Cavaco Silva – que em 2003 não sabia nem podia saber o que se viria a passar no BPN – ao escândalo do BPN. E eu considero mais do que justo julgar Alegre pela bitola que ele usa para julgar os outros. Assim, caro Manuel Alegre, deve-me as seguintes explicações:

1. Quem o convidou para publicitar o BPP? Quanto recebeu? Devolveu ou não devolveu?

2. Que esforços fez para averiguar a seriedade dos gestores do BPP antes de o recomendar a outros para aplicação de poupanças (com os resultados que, depois, se viram)? Limitou-se a confiar na supervisão do Banco de Portugal? Se sim, porque considera que Cavaco Silva deveria ter tido cuidados acrescido quanto à sociedade proprietária de outro banco?

3. Considera que deve desculpas aos destinatários da campanha publicitária de que fez parte? Se sim, já pediu desculpas?

4. Considera que o facto de ter publicitado o BPP lhe retira isenção para decidir sobre o futuro do BPP? Se não, porque acusa Cavaco Silva de possível falta de isenção? O que torna Alegre menos suspeito do que Cavaco?

5. Tendo referido, e com tanta virulência, a ligação perfeitamente legal de Cavaco Silva ao BPN, não considera falta de transparência e de respeito pelos eleitores (que reclama ao seu adversário) não ter revelado a sua ligação ao BPP? Ou sofre de algum tipo de condição cerebral que lhe escondeu o facto de, um dia, ter prestado estes serviços publicitários?

6. Não considera desadequado um socialista que se reclama o paladino do estado social decidir, vigarices à parte, publicitar um banco que se pretendia elitista como o BPP, o que de resto se verificava no tipo de publicidade que fazia?

E agora uma pergunta para os jornalistas: que diabo andam a fazer para precisarem que a Teresa Caeiro faça o vosso trabalho?

4 pensamentos sobre “Manuel Alegre sofrerá de amnésia?

  1. orlopesdesa

    E continua a Política Portuguesa em grande nível. De um lado e do outro. Cada um a chafurdar na podridão que rodeia inevitavelmente cada um dos candidatos. Inevitavelmente, porque estão rodeados de máquinas partidárias interessadas em proteger os seus interesses e de quem os financiou previamente.
    Vergonhoso o facto que nenhum partido votou contra a nova Lei de Financiamento dos Partidos, uma prova cabal de que, quando os seus interesses estão em jogo, desde a extrema esquerda à direita conservadora, todos votam de comum acordo!
    É por isso que o nível de debate nestas eleições é este a que assistimos. O sistema já quase não fornece políticos competentes. É por isso que em desespero de causa, muitos Portugueses irão votar em Cavaco, não por que ele seja competente, mas porque é menos promiscuo que os outros todos, à excepção de Nobre. Mas este, tem uma péssima equipa conselheira que o fez enveredar por uma demagogia desnecessária.

  2. lucklucky

    Cavaco tem o que merece.

    “porque é menos promiscuo que os outros todos, à excepção de Nobre.”

    Esta é hilariante. Veja lá quem Nobre apoiou durante os últimos 10 anos…

  3. orlopesdesa

    “Esta é hilariante. Veja lá quem Nobre apoiou durante os últimos 10 anos…”

    Bravo!!! Presumo também que todos os que votaram Sócrates da primeira vez sejam promíscuos, mesmo que se sentissem enganados depois. Assim como quem já votou PSD, PS e PP!
    Veja lá a quem apoia na sua vida no dia-a-dia, não se vá também tornar num promíscuo…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.