Eles pedem

O fim do direito à blasfémia. Era o que faltava.

5 pensamentos sobre “Eles pedem

  1. CN

    É no entanto curioso como o chamado “direito ao bom nome” é protegido.

    “a lei protege os indivíduos contra qualquer ofensa ilícita ou ameaça de ofensa à sua personalidade física ou moral. ” num acórdão.

    Assim, o bom nome do indivíduo é protegido violando-se o direito de liberdade de expressão (se bem que este seja melhor expresso como: a liberdade a dispor da sua propriedade ou da autorizada pelos outros para se expressar) e a liberdade de ofensa a um Deus e religião será considerado pilar fundamental da civilização (ou assim ás vezes parece).

    Acho que expressa bem o ponto em que estamos, e não estou aqui a fazer juízos, mas a constatar um facto.

  2. lucklucky

    http://www.indianexpress.com/news/man-accused-of-blasphemy-killed-in-pakistan/713003/

    Posted: Thu Nov 18 2010, 15:44 hrs
    Islamabad:

    A man accused of blasphemy was shot and killed near his home in the eastern Pakistani city of Lahore shortly after being granted bail by a court, according to a media report.

    Imran Latif, 22, was accused of burning pages of the Quran in a case registered at Sherakot police station in Lahore and spent five months in jail.

    He was released on bail on November 3 after the man who filed the complaint of blasphemy told the court he was not sure that Latif was guilty.

    Latif was shot by armed men near his home on November 11 but police learnt only later that he had been accused of blasphemy, the Express Tribune newspaper reported.

    Inspector Rafique Ahmed, who is investigating the murder, said Latif’s killing was likely linked to the blasphemy case. “No Muslim tolerates a man who commits blasphemous acts,” he said. …

    http://www.indianexpress.com/news/man-accused-of-blasphemy-killed-in-pakistan/713003/

  3. ruicarmo

    Caro Carlos, creio ter sido a Helena Matos que escreveu que “a blasfémia, o vício, a pornografia e a criminalidade são indissociáveis da liberdade.Que os deuses e os homens nos livrem da tentação da pureza” Não posso concordar mais. Quanto mais, pensar sequer numa lei da blasfémia global. Enfim, as leis anti-blasfémias serão válidos para todos os deuses, incluindo os animistas?
    Tenho para mim que as leis anti-blasfémia gostam é de apagar, por medo do fanatismo. Venham elas de onde vierem.E isso para mim é inaceitável.
    Khomeini condenou Rushdie à morte pois o livro versículos satânicos ofendia o Profeta e sua imaculada vida íntima. E com isto ofendeu todo islão.
    O António, desenhou na revista no espesso o anterior Papa com um preservativo no nariz. Quero ter a liberdade para gostar, não gostar, aplaudir ou protestar.
    Poderei fazer os post’s que me apetecer com os cartoons que entender? É que os jornais que as decidiram publicar os cartoons sobre o profeta, porque razão têm que pedir desculpas a quem quer que seja?
    Há caricaturas que valem mais do que todos os atentados terroristas. Isto faz sentido?

    E sem ter a ver com o post mas como citas um acordão, que tal este? http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1713684&seccao=Sul

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.