a propósito de Saramago – only moral cripples are communists

There is no ‘good’ communist, no Boston Globe:

If José Saramago, the Portuguese writer who died on Friday at 87, had been an unrepentant Nazi for the last four decades, he would never have won international acclaim or received the 1998 Nobel Prize for Literature. Leading publishers would never have brought out his books, his works would not have been translated into more than 20 languages ….

But Saramago wasn’t a Nazi, he was a communist. And not just a nominal communist, as his obituaries pointed out, but an “unabashed’’ (Washington Post), “unflinching” (AP), “unfaltering” (New York Times) true believer …. Yet far from rendering him a pariah, Saramago’s communist loyalties have been treated as little more than a roguish idiosyncrasy.

There was a time, perhaps, when dedication to communism could be absolved as misplaced idealism or naiveté, but that day is long past. After Auschwitz and Babi Yar, only a moral cripple could be a committed Nazi. By the same token, there are no good and decent communists — not after the Gulag Archipelago and the Cambodian killing fields and Mao’s “Great Leap Forward.’’ Not after the testimonies of Alexander Solzhenitsyn and Armando Valladares and Dith Pran …. the savageries of communism and of Nazism are morally interchangeable — except that the former began much earlier than the latter, lasted much longer, and shed far more blood.

9 pensamentos sobre “a propósito de Saramago – only moral cripples are communists

  1. EMS

    Não entendo o problema. Camilo José Cela e Pirandello eram ambos fachos e bons escritores e ganharam o Nobel.

  2. João Cardiga

    Caro Miguel,
    Como deves saber estive anteriormente numa discussão aqui no vosso blogue porque alguem comentou algo que tinha dito e não se tinha dignado a pelo menos me avisar que o tinha feito.

    Não me fazia sentido agora que fiz o mesmo não deixar uma mensagem a dizer isso.

    Portanto o objectivo não é publicidade mas simplesmente esse que mencionei. No entanto se tiveres uma sugestão para fazer isso sem colocar aqui um link e que seja tão prático sou todo ouvidos (neste caso olhos) pois julgo que deverá ser melhor do que esta minha solução

    Cumprimentos,

    João Cardiga

  3. Saramago teve dinheiro suficiente para vislumbrar fronteiras avantes ao Socialismo, Comunismo, e ao Capitalismo Distorcido, pois viveu em contemporaneidade com uma mentalidade com valores conceituais mais evoluídos até agora, prontificada na Língua que ele falava (na versão brasileira de 1980); mas ele também fincou pé em algo ultrapassado e enfermiço.
    Estamos entrando na época da Lógica Espacial, um aprontamento psicológico que pode lidar por exemplo com contraposições da lógica corrente, como o de uma minhoca ter 19 cromossomos e um ser humano 21 (ao invés de uns 100); pois a Natureza é pautada e estruturada por funções paradoxais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.