Torna-se obrigatório ler o André Macedo no i

A Autoeuropa e os sindicatos sabem o que estão a fazer. Com o desemprego galopante (500 mil pessoas) o bombeiro Manuel Pinho dificilmente resistirá a abrir de novo a carteira para resolver um problema que não é dele. Se isso acontecer, ganharão a empresa alemã e os trabalhadores, mas perderá o país, que sucumbirá, de novo, à chantagem. Um dia a casa vem abaixo, como aconteceu com a Quimonda. E aí já não há nada a fazer. Ainda bem.

2 pensamentos sobre “Torna-se obrigatório ler o André Macedo no i

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.