Liberdade asmática

Todas as opiniões podem ser ofensivas mas quem as contesta não pode atacar de passagem a liberdade de expressão. Prefiro viver numa liberdade poluída com lixo e uma densidade de estupidez altíssima, capaz de me provocar asma, do que criminalizar e proibir opiniões por mais detestáveis que sejam. Estes progressistas da UNHRC (Paquistão, Venezuela e Bielorrússia, incluídos) não o percebem, nem o aceitam.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s