Leitura recomendada: “Em nome de Maddie”

Via Blasfémias:

Em nome de Maddie * Em teu nome, menina dos cabelos de luz, tantos choraram depois de mais nada conseguirem esperar. Em teu nome, menina dos olhos longos, zangaram-se as polícias e os países fitaram-se receosos e melindrados.

Dizem que por ti, menina do rosto que irradia, os governos pesaram, combinaram e concluíram. Os jornais imaginaram, acusaram e puniram. Toda a gente te definiu o destino mil e uma vezes. E tantas carreiras e glórias se sonharam – tudo por ti, juravam. Mas nunca foi por ti, sempre por eles.

Sabes, menina de todas as meninas que já cá não estão, o poeta Pessoa quis saber qual era o enigma que havia numa princesa do teu país que há muitos anos foi feliz aqui. Invocou-a como ‘Madrinha de Portugal’. Partiste muito cedo, esse foi o mistério que não te deixou ser feliz. Pode ser que aqui a tua saudade seja mais bem cuidada do que por aqueles que te desampararam.

* Correio da Manhã, 2 de Maio de 2008

5 pensamentos sobre “Leitura recomendada: “Em nome de Maddie”

  1. Luís Lavoura

    Como é possível falar em nome de outrem? Sobretudo em nome de um morto? Sobretudo em nome de uma criança?

    Será falar em nome de outrem consistente com um modo liberal ou com um modo humanista de encarar o mundo?

  2. Caro Migas,
    O Lavoura está na intensa e bela idade dos porquês. Questiona tudo o que lê. Não estragues esta fase tão linda, a das descobertas:)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.