A CAÇA ÀS BRUXAS CONTINUA

Entre os bispos da Igreja da Inglaterra há de tudo inclusive o Senhor Bispo de Stafford, Gordon Mursell, uma espécie de Torquemada dos nossos dias, mas mais desequilibrado do que o seu antecedente espanhol.

In a parish newsletter, the bishop said that people who refuse to join the fight against global warming are like Josef Fritzl, the insane criminal in Austria who locked his daughter and her children in a cellar for 24 years. For Mursell, being sceptical about the conventional wisdom on climate change is akin to the monstrous crime committed by Fritzl. He says: ‘You could argue that, by our refusal to face the truth about climate change, we are as guilty as he is.’

Os insurgentes, e os leitores que concordam com as posições deste blogue quanto às causas das modificações climáticas, agora ficam sabendo que, segundo a opinião do eminente prelado anglicano, somos todos uns Fritzl, culpados de crimes hediondos, e presumivelmente merecedores de castigos pesados.

Um excelente artigo sobre o actual histerismo à volta das alegadas mudanças climatológicas e o papel desempenhado nestes fenómenos pelas actividades humanas encontra-se em:

http://www.spiked-online.com/index.php?/site/article/5219

6 pensamentos sobre “A CAÇA ÀS BRUXAS CONTINUA

  1. André Azevedo Alves

    O histerismo em geral já é mau, mas a Church of England ainda consegue ir um passo mais além…

  2. Na minha modesta opinião, pessoas que fazem afirmações como a que o Senhor Bispo de Stafford fez, são como Josef Fritzl…

  3. Luís Lavoura

    “as posições deste blogue quanto às causas das modificações climáticas”

    Quais são essas posições? E trata-se de posições políticas, ou científicas?

  4. Luís Lavoura

    Estes posts a criticar a Igreja Anglicana devem ser motivados por notícias segundo as quais essa Igreja estaria a considerar integrar-se na Católica, coisa que, naturalmente, não agradará a alguns católicos.

  5. planca12

    1) A posição da maioria dos insurgentes quanto à propaganda sobre o aquecimento global é a da “dúvida sistemática”, atitude própria do espírito cientifico, que nem o distinto prelado nem o LL manifestamente não partilham.

    2) Quanto a postes criticando a Igreja Anglicana, o LL deve andar distraído. No dia 30 de Maio com o título de “Nova Revista Britânica”, eu própria escrevi sobre a revista Standpoint. “Este primeiro número traz vários artigos de grande interesse com destaque para um texto de Michael Nazir-Ali, Bispo anglicano de Rochester, sobre os malefícios do multiculturalismo e o colapso do cristianismo no Reino Unido. Este prelado é de origem paquistanês, nascido numa família católica e convertido ao anglicanismo na juventude. Ocupa o décimo lugar na hierarquia da Igreja da Inglaterra e as suas posições contrastam com a do Arcebispo da Cantuária que advoga a inclusão da sharia (direito muçulmano) no sistema jurídico inglês. O Bispo de Rochester, pelo contrário, é favorável a uma política activa de proselitismo junto da comunidade islâmica com o objectivo da conversão ao cristianismo.”

  6. Há uma coisa que podemos ter como certa: Os padres só têm sexo nas cabecinhas.
    Padres de todos os credos ( credo! ) e de todas essas religiões contra natura.
    Tão contra natura, como os crimes em que se baseiam para ir falando do que provavelmente os excita…
    O Freud explica isso de andar sempre a falar em crimes sexuais.
    MFerrer
    http://homem-ao-mar.blogspot.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.