vou ali comer o meu vizinho e volto já para continuarmos a discutir hayek

Obviamente que não chega a uma decisão ser absolutamente individual, sem aparentes consequências directas sobre terceiros, para que ela possa ser completamente livre. Há coisas que não se fazem. Por exemplo, comer o vizinho (falando literalmente e não em sentido figurativo, note-se), matar a prima, enforcar a avó, pontapear o primo paralítico, dar cabeçadas na madrinha anoréctica. Ainda que com o consentimento dos visados e dentro de quatro paredes para ninguém ser afectado. O liberalismo tem valores, princípios, é tradicionalista (evolucionista) e obedece a um código moral cujas normas resultam da selecção espontânea dos procedimentos mais convenientes à espécie (a humana e não a canibal, frise-se). Decididamente, comer os miolos ao meu vizinho não é um procedimento que se compreenda na tradição liberal. É bom que os liberais comecem a compreender que isto tem regras e não é a casa da Joana, sob pena das coisas serem ininteligíveis.

9 pensamentos sobre “vou ali comer o meu vizinho e volto já para continuarmos a discutir hayek

  1. Filipe Abrantes

    O Dr Lecter pedia licença antes de comer cérebros e fígados?

    Quanto ao post, um dos princípios do “liberalismo” não é a autonomia individual e a propriedade absoluta sobre o corpo.

    E já agora, Rui A., Hayek não é Deus. 😉

  2. Filipe Abrantes

    “Quanto ao post, um dos princípios do “liberalismo” não é a autonomia individual e a propriedade absoluta sobre o corpo.”

    retirar o “não” antes de autonomia.

  3. CN

    Não é o evolucionismo que faz o liberalismo. A tradição não concebe uma verdade.

    O evolucionismo é uma outra forma de dizer que se os direitos para serem direitos têm de ser universais, a sua aplicação deve ser localizada no espaço e no tempo.

    O evolucionismo parece pôr de lado a necessidade de usar a razão ou a filosofia para inquirir sobre verdades.

    O mesmo em relaçao à “selecção espontânea”.

    Os valores cristão para aparecerem tiveram de ter um Jesus Cristo que de certa forma combateu a “evolução” verificada (contra o judaismo tradicional, etc).

    “Evolução/espontâneo” não anula o uso da razão (ou da fé) para mudar a evolução e espontâneo do momento.

  4. CN

    Já agora, a discussão do Rui A não se palica à Eutanásia?

    Matar com o consentimento de?

    É preciso semrpe ter em conta a diferneça entre Moral e Ética.

    O direito natural concede o direito a consumir e vender droga, consumir e vender prostituição, matar com o consentimento da vitima, etc.

    Mas podemos considear tudo actos imorais.

    O incentivo da moral e desincentivo da imoralidade é feito através da inclusão versus exclusão-discriminação privada.

    Já os actos contra o direito natural (não voluntáriamente cedidos) são crimes e dão lugar à restituiçao/indemnização (no mínimo e prioritáriamente).

  5. “Há coisas que não se fazem. Por exemplo, comer o vizinho (falando literalmente e não em sentido figurativo, note-se), matar a prima, enforcar a avó, pontapear o primo paralítico, dar cabeçadas na madrinha anoréctica.”

    O Rui A. inclui aí aqueles campeonatos de arremesso de anões (que parece que se fazem nalguns bares dos EUA)? E, já agora, um combate de boxe?

  6. Ricardo Sebastião

    O que me impede de comer os miolos do meu vizinho com a autorização deste acho que é mais o conservadorismo do que o liberalismo…?

  7. CN

    Eutanásia
    Aborto
    Sado-maso
    Orgias

    e etc…

    A moral é um julgamento sobre aquilo que as pessoas têm o direito natural de fazer.

    A via própria para os julgamentos morais é a prática de discriminação privada (ou inclusão), não só a social (apontar o dedo, não se relacionar com, etc) como restrições nos condomínios ou empresas nos contratos, etc.

  8. Pingback: Misturas explosivas « O Insurgente

  9. Pingback: O Insurgente – Canal Memória « O Insurgente

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.