Livro da semana

514009112_cad6690415.jpg

1967:Israel, The War, and the Year that Transformed the Middle East, Por Tom Segev.

Fala-se hoje do preço que Israel paga pela vitória de 1967. É pena que haja uma visão tão curta da história. Não fosse a vitória de há 40 anos e tudo tinha acabado. Israel não faz, desde o início da sua existência, outra coisa que não seja combater pelo direito à vida.

Anúncios

4 pensamentos sobre “Livro da semana

  1. lucklucky

    Por vezes pergunto-me de onde vem este autismo. Será que as pessoas não percebem que basta um lado querer guerra interminável(neste caso até ao fim de um dos lados) para haver sempre guerra?

  2. Ainda hoje de manhã, nas notícias da RTP1, se falou de uma guerra na qual Israel “atacou simultaneamente três países”! Pois…

  3. Infidel

    Os pacifistas-melancia confundem paz com passividade.

    O único neurónio da sua peculiar rede neuronal ainda não está teinado para distinguir guerra de dançar o tango: para o tango, são necessários dois; para a guerra basta um.

  4. CN

    O Direito à vida de um Estado é a sentença de morte de outro Estado.

    Assim, luta-se pela imposição de um Status Quo reconhecido pelos outros.

    Se os países árabes tivessem ganho, provávelmente existiria ainda hoje terrorismo por grupos sionistas “extremistas” (como o existiram contra as tropas britânicas), se bem que provávelmente não existiria na mesma um Estado Palestiniano.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.