Fássismo ultra-neo-liberal avança em país virtual (III)

Convém recordar que a ofensiva do “poder económico” não é nova. Já este ano foram “purgados” uma dezena de “comentaristas de esquerda” que escreviam na Dia D, então editada pelo jornal Público.

Pela minha parte agradeço a todos os que, na devida altura, se solidarizaram para com estas vítimas do capitalismo selvagem.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.