Fássismo ultra-neo-liberal avança em país virtual (III)

Convém recordar que a ofensiva do “poder económico” não é nova. Já este ano foram “purgados” uma dezena de “comentaristas de esquerda” que escreviam na Dia D, então editada pelo jornal Público.

Pela minha parte agradeço a todos os que, na devida altura, se solidarizaram para com estas vítimas do capitalismo selvagem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.