Alguém antecipa os resultados de Genebra III?

Link permanente da imagem incorporada

O número de flotilhas repletas de ajuda humanitária diversificada, combatentes pessoas solidárias que usam o lenço palestiniano como acessório de protesto, pacifistas em geral e irmãos de fé, que estará a ser preparada para rumarem à Síria com urgência é uma incógnita.

About these ads

O fascismo não passará

Espero uma qualquer reacção do sindicato dos jornalistas à prisão, espancamento e roubo do material deste fotógrafo de cariz neofascista que pretendia trabalhar destruir vidas e bens públicos bem como colocar um ponto final nos progressos da revolução chavista.

Comunicado do PCP nacionalizado ao Vítor Cunha.

Solidariedade entre grandes familias e maiores líderes

AssadMaduro

President Bashar al-Assad expressed Syria’s support to the approach of the Venezuelan President, Nicolas Maduro in running Venezuela ”that he draws from the world heritage principles and the historical legacy of Latin America’s great leaders.”  In a letter he sent to the Venezuelan President on Wednesday, President al-Assad expressed the Syrian people’s solidarity with President Maduro and the Venezuelan people in the face of the “ferocious onslaught that is replayed today in several safe and stable countries, in an attempt to whip up chaos, spread foreign hegemony and seize the riches of these countries and their sensitive geopolitical positions.”

SANA.

O Presidente explica

The national and international bourgeois media are accomplices of the fascist gangs, but the truth will always triumph in our homeland.

Fonte:Twitter Nicolás Maduro.

A agenda de Mário Soares está muito preenchida

O Tó-Zé Seguro, confirma.

Soares tem reunido com diferentes correntes socialistas, excepto a de Seguro

Encontros promovidos pelo histórico socialista são olhados, dentro e fora do partido, como de oposição ao líder. Mas Soares não desistiu de fazer oposição ao Governo e pode retomar “modelo Aula Magna”.

Thought Police – um pequeno passo, por Obama

Via Fox News: Thought Police: Firms must swear ObamaCare not a factor in firings:

Firms will be required to certify to the IRS – under penalty of perjury – that ObamaCare was not a motivating factor in their staffing decisions. To avoid ObamaCare costs you must swear that you are not trying to avoid ObamaCare costs. You can duck the law, but only if you promise not to say so.

Claro, a Fox News é a Fox News. Mas ainda assim, acho que para a administração americana é um novo ponto baixo. Nunca tanta incompetência foi mascarada com tanto afinco e determinação.

35 anos de revolução islâmica: o Irão está de parabéns

Pela contínua moderação. Desta vez, os dissidentes escolhidos inimigos da revolução foram um poeta e um árabe. A justiça processa-se a bom ritmo, de acordo com o testemunho da Amnistia Internacional.

Presidente sensacionalista acaba com o sensacionalismo

Link permanente da imagem incorporada

Mérida, Venezuela.

De uma só vez o progressista Nicolás Maduro, não quer estrangeiros como proprietários de empresas de comunicação social, propõe normas para acabar com o sensacionalismo e a propaganda (!) e curar a Venezuela dos anti-valores do capitalismo.

Coisinhas boas de Lisboa

O Zé que faz falta está mudo,

Ponte ciclável e pedonal sobre a Segunda Circular vai servir para quê?

A obra foi concebida só para ligar Telheiras aos edifícios em que a empresa que paga dois terços do custo tem a sua sede. Agora está a ser feita uma curta ciclovia que evita este destino único, mas que pouco adianta em termos da rede de ciclovias da cidade.

Restos de cultura II

Vale a pena ler O jornalismo desportivo de Marcelino e “a verdade a que temos direito”. É um serviço público blogosférico que ajuda a entender os enraízados hábitos socialistas das redacções.

Leitura complementar: Restos de culturaJosé Saramago, o Censor Vermelho.

 

Venezuela: economia socialista aplicada

Parece que os venezuelanos não aguentam por muito mais tempo tanta festa justiça.

On aisle seven, among the diapers and fabric softener, the socialist dreams of the late Venezuelan president Hugo Chávez looked as ragged as the toilet paper display. Employees at the Excelsior Gama supermarket had set out a load of extra-soft six-roll packs so large that it nearly blocked the aisle. To stock the shelves with it would have been pointless. Soon word spread that the long-awaited rolls had arrived, and despite a government-imposed limit of one package per person, the checkout lines stretched all the way to the decimated dairy case in the back of the store.  “This is so depressing,” said Maria Plaza, 30, a lawyer, an hour and a half into her wait. “Pathetic.” Depressing, in an otherwise bright, modern supermarket that sells $100 bottles of Spanish wine, Jack Daniel’s whiskey and organic rice puffs. Pathetic, in a country with the world’s largest petroleum reserves and oil prices at nearly $95 a barrel, yet unable to supply basic goods because of its crumbling local currency and a shortage of U.S. dollars. “Soon we’ll be using newspaper, just like they do in Cuba!”

Leitura complementar: Argentina e Venezuela: foi bonita a festa, pá!

Síria: resultados dos primeiros nove dias da conferência Genebra II

Dry Bones,cartoon, Israel, Syria, war,  Terrorism, violence, Arabs,Sunni, Shia, Alawite,Iran, al Qaeda,  Hezbollah, Syria, war, golan, peace, hezbollah, civil war,apple, iphone, samsung, android,

The first round of talks in Geneva ended on Friday without making progress towards ending the civil war and also failed to achieve more modest aims, like an agreement to allow aid convoys into the central city Homs where thousands of civilians have been trapped for months.

Leitura complementar: Síria: a antecipação dos resultados da conferência Genebra II.

Cartoon: The Dry Bones Blog.

Paraíso cubano a lutar contra o mal

Foto: Eliana Aponte

O regime castrista abriu-se e permitiu que o resto dos camaradas cubanos comprassem carros. A parte mais complicada é que com salários que rondam uns progressistas 20 dólares norte-americanos, teriam que demorar algum tempo até conseguirem comprar um calhambeque chinês, com mais de 80 mil quilómetros em cima e pelo módico preço de 30 mil dólares. Felizmente os culpados já foram assinalados: no passado dia 1, o soba Comandante-Presidente em discurso que assinalou o 55º aniversário da Revolução cubana, apontou os tão famosos quanto anónimos grupos estrangeiros que procuram introduzir no Paraíso na Terra os pensamentos neo-liberal e neo-colonial. Pena não introduzirem carros.

Via Impertinências.

Sucesso internacional

É quando  se alcança 4,1% (em 100). A Síria, a região e o mundo estão finalmente seguros.

Syria has given up less than five percent of its chemical weapons arsenal and will miss next week’s deadline to send all toxic agents abroad for destruction, sources familiar with the matter said on Wednesday.

The deliveries, in two shipments this month to the northern Syrian port of Latakia totaled 4.1 percent of the roughly 1433 metric tons of toxic agents reported by Damascus to the Organization for the Prohibition of Chemical Weapons (OPCW), said the sources, who spoke on condition of anonymity.

O problema de Lisboa é o cinema Londres

A grande solução da CML é ter uma óptima imprensa e melhores assessores.

Os anos foram passando, a história do Público caiu no esquecimento e Pedro Silva Gomes lá continua na Câmara de Lisboa, onde vai receber 165.564 durante quatro anos, para desempenhar as mesmas funções. O contrato mais recente é do final do ano passado. Aliás, segundo o Base o assessor já conseguiu contratos ligados à vereação do PS de Lisboa no valor de 332 mil euros.

Para complementar o ramalhete, um bom exemplo do socialismo cultural a nível local.

“Cão danado”: contributos, hábitos e ligações portuguesas

A rede e o peixe, por António Balbino Caldeira.

Os políticos portugueses que, ao longe dos anos, mantiveram um relacionamento próximo com o vão fingir espanto. Mas, como dizia alguém, eles sabem que nós sabíamos que… eles sabiam muito bem do horror líbio e do seu patrocínio do terrorismo internacional. Porque, muito antes, e de modo mais detalhado do que aparece as notícias dos jornais, o poder político conhece o horror que esconde do povo. Prioridade aos negócios, que de Estado só têm o qualificativo dos estadistas que os aproveitam.

Está também ainda por fazer a história do apoio líbio aos partidos políticos portugueses, nomeadamente o PS. Veja-se um excerto do livro de Rui Mateus, «Contos de um PS desconhecido», Dom Quixote, 1996, p. 63:

«Mas, Manuel Tito de Morais, nas funções de secretário-geral “interino” ia recebendo alguns donativos e, nesta matéria, “tudo o que vinha à rede era peixe”. (…)
(…) Creio que até ao I Congresso, que teria lugar em Dezembro [de 1974], o único contributo significativo recebido pelo Partido Socialista tinha sido angariado no seguimento da visita de Mário Soares a Trípoli, em Novembro de 1974, onde se encontraria com o coronel Kadhafi, tendo, a partir daí, a conta da Associação António Sérgio sido rapidamente transferida para o Nederlandsche Middenstandsbank (Anexo 4) de Hilversum, na Holanda, que, posteriormente, viria a ser titulada por José Neves, também ele fundador do Partido em, Bad Munstereifel. Escrever-lhe-ia [Mário Soares] posteriormente, aproveitando a visita a Trípoli de José Neves e Catanho de Menezes para agradecer e exprimir a sua “admiração pelo interesse e ajuda que (Kadhafy) deu à luta e libertação do Povo Português” assim como para o informar de que o PS estava “de novo em condições de reabrir os nossos contactos com todas as forças que no mundo lutam pela libertação dos povos. Entre essas forças, tanto a Líbia como V. Ex.a jogam um papel fundamental.» (Realce meu)O contributo do coronel Kadafy «para a libertação dos povos», mormente do seu, era já então público e notório… E mais se sabia, depois quando José Sócrates, nos seus governos de 2005 a 2011, andou enternecido com o «líder carismático» (sic) líbio, tendo o ex-primeiro-ministro visitado a Líbia «quatro vezes em seis anos» de poder.

Outros políticos tiveram contactos promíscuos com o regime líbio, e aturaram a loucura do coronel. Mas talvez nenhum tenha chegado ao nível do Partido Socialista. Porém, a indignação seletiva da esquerda negligencia sempre as culpas próprias.

E não apenas nos pragáticos socialistas. Também está por estudar a questão tabu do financiamento e acolhimento em campos de treino para instrução de atentados e de colocação de bombas, ao terrorismo da extrema-esquerda portuguesa, às FP-25 de Abril e a alguns dos seus embriões (nomeadamente, um grupo do catolicismo militante do tipo montonero).

Comunismo conquista o Sol

north_korea_confirms_it_has_landed_a_man_on_the_sun

A Coreia do Norte enviou um adolescente de 17 anos ao Sol. Estou ansioso por dar a notícia do regresso da missão científica e da apoteose com o seu tio e querido líder Kim Jong-un. Para já, fica uma certeza: as amostras do Sol recolhidas nunca iluminarão tanto como o comunismo dinástico norte-coreano. A sério, o progresso é imparável.

Via PiaR.